Vereadores de CPI aprovam acessos do Morumbi a deficientes físicos

Bombardeado em várias frentes por causa do fracasso pela disputa da Copa do Mundo de 2014 e o aparecimento de novos estádios, o Morumbi recebe uma boa notícia. O estádio do São Paulo foi aprovado e elogiado em uma visita de vereadores da CPI (Comissão Parlamentar de Inquérito) da Acessibilidade da Câmara Municipal da capital.

A vistoria foi realizada na sexta-feira, antes do primeiro show do astro canadense Justin Bieber no Morumbi. Presidente da CPI, o vereador Gilberto Natalini (PV) justificou que a intenção principal foi analisar a acessibilidade e mobilidade do estádio para deficientes físicos.

Em termos gerais,o vereador paulistano ficou satisfeito com o que observou. ‘A gente viu que o estádio do São Paulo tem acessibilidade muito organizada aos deficientes, ala com banheiros, com rampas, espaço próprio, está bom’, disse Gilberto Natalini.

No site oficial, o São Paulo informa que o setor de deficientes do Morumbi apresenta uma área disponível de 470m , além de 108 lugares. No projeto de modernização, o estádio ainda prevê um novo local às pessoas com necessidades especiais.

Para o show dançante de Justin Bieber e a apresentação de Eric Clapton e sua guitarra nesta quarta-feira, os membros da CPI realizaram apenas uma observação aos responsáveis pela administração do Morumbi. ‘Pedimos o alargamento de rampas (em cerca de 40 centímetros) de acesso às áreas dos deficientes’, comentou Gilberto Natalini.

O certificado de acessibilidade do Morumbi foi concedido pela Prefeitura em 2006. Portanto, Gilberto Natalini assegura que o local está adequado para a sua principal finalidade: ‘O Morumbi também se encontra dentro da lei nesta questão dos deficientes físicos para os jogos de futebol’, avisou.

Segundo Gilberto Natalini, a visita dos integrantes da CPIda Acessibilidade da Câmara Municipal será frequente em praças esportivas. ‘Começamos com uma agenda no Anhembi, durante a realização da Fórmula Indy, e vamos a outros locais’, prometeu o vereador, sem estipular as datas das futuras averiguações. As informações foram publicada na Revista Veja Online.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s