Morumbi tem rota para fuga de assaltos

O coronel da PM José Luiz de Souza, responsável pela região do Morumbi, zona sul de São Paulo, sugere uma rota alternativa para os motoristas escaparem dos ladrões que agem constantemente na rua doutor Francisco Thomaz de Carvalho, conhecida como “ladeirão”.

Nos cinco primeiros meses deste ano, 93 motoristas foram assaltados no trecho, média de dois por dia. A maioria dos roubos acontece próximo a rua Ernest Renan. A via é praticamente a única ligação entre as avenidas Giovanni Gronchi e Morumbi e a marginal Pinheiros, sem que seja necessário atravessar a favela de Paraisópolis.

“Reforçamos o policiamento no local. O problema são os congestionamentos”, disse ontem o coronel. “A via não comporta o número de carros e a lentidão facilita a ação dos bandidos”.  Para tentar resolver a situação, a PM pediu à CET a mudança que o último quarteirão da ladeira, tivesse mão única no sentido Giovanni Gronchi, o que facilitaria a fluidez.

Segundo a CET, a mudança é tecnicamente inviável porque aumentaria os congestionamentos e os riscos de acidente.

A Polícia Civil também aponta um semáforo na via como problemático. Para a delegada do 89º DP (Morumbi), Silvana Francolino, o equipamento trava o trânsito. “Aquele farol é um problema. O trânsito fica travado e os bandidos se aproveitam. E como a rua é do lado da favela, eles conseguem fugir com maior facilidade”, disse a delegada. Fonte Band

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s