Subcomissão aprova Morumbi e vê boas chances para abertura da Copa

O Morumbi recebeu, nesta sexta-feira, a visita do deputado Sílvio Torres, presidente da subcomissão da Copa de 2014, além do coordenador do Comitê Paulista Gestor da Copa e também presidente da SPTuris (Empresa Paulista de Turismo e Eventos), Caio Luiz de Carvalho. O objetivo da reunião com o presidente do São Paulo, Juvenal Juvêncio, foi debater a preparação do estádio para o Mundial, incluindo os arredores, e conhecer o projeto de adequação com detalhes. Após o debate, os visitantes fizeram um passeio pelo Morumbi.

Sílvio Torres gostou do que viu durante a apresentação feita pelo São Paulo.

– O Morumbi é um dos três estádios privados previstos e se inscreveu para receber a abertura. A cidade tem várias pré-condições para isto, e o Morumbi passa por exigências específicas. O relato do presidente Juvenal Juvêncio nos deu uma expectativa muito otimista. Eu também acho que o Morumbi tem todas as condições para a abertura, pois visitei estádios na África do Sul, na Alemanha e vi que o São Paulo não está atrás – ressaltou o deputado.

A Comissão de Turismo e Desporto, presidida pela deputada Raquel Teixeira, também participou do encontro e aprovou a apresentação tricolor. Raquel vê um elemento importante na candidatura de São Paulo pela abertura: a parceria entre os responsáveis pelo estádio e as gestões municipal e estadual.

– Em São Paulo há uma sinergia entre estádio, governo municipal e estadual em preparar o local para a Copa. Queremos uma Copa com sucesso, mas também que deixe um legado, e aqui todas as obras que serão feitas na cidade foram antecipadas, ou seja, aconteceriam mesmo sem o evento.  Isso é importante porque não queremos obras faraônicas que depois do Mundial não tenham utilidade – acrescentou a deputada.

Depois de receber duras críticas do secretário-geral da Fifa, Jerôme Valcke, o Morumbi tem recebido boas notícias. Na última quinta-feira, foi comunicado pelo Comitê Organizador Local da competição (COL) que está aprovado para receber jogos das semifinais. O clube tem um mês para mostrar ao Comitê as garantias financeiras para a realização do projeto, e estes recursos virão da iniciativa privada e do empréstimo junto ao BNDES. O objetivo agora é preparar o palco para conseguir também a aprovação para a abertura do Mundial.

Presidente da subcomissão deseja encontro com Teixeira

Sílvio Torres está satisfeito com o que viu no Morumbi, mas nem tanto com o andamento geral do país no quesito Copa 2014. O deputado diz que o COL, presidido por Ricardo Teixeira, também mandatário da CBF, não tem repassado informações importantes. Torres ainda espera encontrar Teixeira para discutir o Mundial, mas diz que o dirigente não responde ao convites.

– A preocupação não é só com estádios, mas com aeroportos, obras urbanas e  o fato de estarmos em ano eleitoral, com trocas de comandos. O calendário do Brasil está atrasado, e nos preocupamos em saber se vamos fazer a Copa dos sonhos prometida, ou uma Copa da África melhorada. O presidente da CBF está sendo convidado há mais de dois anos para nossas audiências públicas e nunca compareceu. O Comitê não tem nos dado informações e por isso procuramos a Fifa – explicou. Fonte: Globoesporte.com

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s